domingo, 12 de outubro de 2008

Medo

Acho que todos nós, por mais valentes que sejamos temos nossos medos. Hoje eu senti muito medo, mas não foi medo de escuro, de altura e nem de sapos. Senti medo do futuro. Quis ter uma bola de cristal para prever o que está reservado para mim. Quis adiantar os relógios. Mas, nada adiantou.
Os planos que eu tinha foram desfeitos pelos desenganos da vida. Já não sei mais nada de mim, já não sei por qual estrada devo ir, já não sei em que ponto devo parar. Já não sei se minhas frustrações adianta alguma coisa.
Agora, tudo mudou. Minha facul está terminando, não sei o que fazer da vida, não sei se conseguirei me manter em meu humilde emprego, sabendo que no mundo há novos horizontes. Não sei se farei uma pós-graduação, não sei se irei pra uma cidade maior, não sei se quero voltar pra casa de meus pais, não sei se quero ficar onde estou... NÃO SEI!
Quero viver meus dias como tem que ser, acreditando que os planos de Deus para mim são os melhores, acreditando que quando o mundo fecha uma janela, Deus vem e abre 10 portas...
Como queria que meus medos se resumisse em sapos, escuro, altura. Hoje tenho medo do escuro da alma, da queda depois de ter alcançado na vida uma grande altura.
Guiai-me Senhor pelo melhor caminho!

3 comentários:

HoneyBee disse...

Mesmo com tanto medo é preciso ter coragem pra enfrentar cada adversidade. =)

Danilo Cruz disse...

Concordo com a honeybee, você precisa ter coragem. Sei que falar é fácil, mas...

Márcio Daniel Ramos disse...

diz a Bíblia: "entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele, ele tudo fará". pois faça isto, não se preoculpe com o dia de amanhã, até porque isto só fas com que o tempo demora mais a passar. viva intensamente este momento de fim de faculdade, não tenha medo do futuro, deixa tudo acontecer naturalmente, como diz aquela música de pagode...

Felicidades!!!