terça-feira, 8 de julho de 2008

♥!♥ Acabou ♥!♥

Hoje já não ouço aquela música que embalou nossas noites de amor.
Já nem te vejo mais. Não sei por onde andas. E nem sei se faria alguma diferença saber. Teu telefone não é mais o mesmo, o que me fez apagar o teu número da minha agenda. Também não sei se faria alguma diferença se fosse o mesmo. Não te ligaria, assim como te prometi.
Não te encontro nem casualmente, não sei o que fazes, se continua estudando, trabalhando. com que e de que forma ocupa o teu dia.
Não sei mais nada de ti, se usa o mesmo perfume, se continua com o mesmo sorriso, com aquele olhar desconfiado. Também nem sei se queria saber.
Hoje me dei conta que já te perdi de vez, que és somente coisa de um passado que logo será esquecido.
Não espero mais ouvir tua voz, não creio que um dia poderei estar ao teu lado, já não tenho esperanças, sei que elas seriam confundidas com utopias.
Sei que tudo acabou e isso ainda dói muito. Tudo poderia ter sido tão diferente, quantas coisas eu poderia ter feito de outra maneira e não fiz. Hoje, eu sei nada, absolutamente nada, pode ser feito com as coisas que poderiam ter sido e não foram.
Não consigo acreditar que estás ao lado de outra, que contempla teu sorriso, tuas manias, sente teu cheiro, ouve tua voz. Como sinto vontade de fazer o que ela faz, o que eu um dia já fiz, mas a mim só resta desejos e lembranças.
Ainda não sei por que tudo acabou, também acredito que na altura do campeonato, não adiantaria saber, não mudaria em nada.
Se houve um tempo de lutar por ti, esse tempo já passou. Ainda não sei se o que fiz pra tentar te trazer de volta foi muito pouco, ou foi suficiente para conhecer esse teu lado indiferente.
Hoje já não posso lutar, sonhar e nem desejar um homem que já pertence a outra e que a cada dia que passa vai se amarrando mais a ela.
Não, não, não quero mais te amar, não olho nossas fotografias, não vasculho teu orkut, não te escrevo, não te ligo. Mas, sinceramente, eu não sei se te evitar adianta alguma coisa. Fazer o contrário certamente não adianta.
Um dia, não sei quando, encontrarei todas as respostas dessas perguntas que me faço, decifrarei todos os enigmas, desvendarei todos os mistérios. E quando, isso acontecer não sei se mudará muita coisa.

5 comentários:

PEDRO MENEZES disse...

Belíssimo texto, Yeda... Parabéns! =)

Pra mim, a pior coisa de quando se termina um relacionamento são as fotos que ficam e aqueles comentários maldosos e inadequados que sempre existe... afff!!

rosangela disse...

quando obtemos respostas, alguma coisa muda na nossa consepção, mas nada fara mudar oq passou.
não adianta ficar procurando respostas, pricipalmente as respostas que só o outro poderis nos dar.
quantas vezes quis saber pq fez, pq deixou de fazer??
mas hj vejo oq importa é a minha resposta, a minha atitude.
pois a do outro nada posso fazer.
um dia tb terei a minha resposta. e sei que nada fara mudar oq passou.
gostei muito ..

abç..

amandaedalete disse...

Dostei do seu blog. principalemente da frase de Clarice Lispector. Adoro.
O posto esta muito bom tbm
B-jus.

rosangela disse...

Oi??

Olha eu de novo .. pra falar que adorei o post..
To esperando o proximo hem?? srsrs

abç..

disse...

Nem todos os finais são felizes...
Dói
Muito

Nem deveria ser assim, mas explica para o coração!

Bjs